A Primeira Pedra

Oi gente, como vocês estão? Espero que estejam todos bem. Bom, hoje eu quero dar uma dica de filme, mais voltado para líderes de jovens, mas que contém lições valiosas que servem para todos nós. O nome dele é "A PRIMEIRA PEDRA". 

Capa e Sinopse do DvD do filme A Primeira Pedra


O personagem principal do filme é um ex-traficante que vai trabalhar como zelador em uma igreja americana, e acaba recebendo o convite para tornar-se líder do grupo adolescente. Jovens totalmente sem foco e desinteressados. Sem nenhuma disciplina ou força de vontade para aprender de Deus ou trabalhar na obra. O ex líder havia deixado o lugar por não suportar mais aqueles adolescentes, com os quais ele não sabia lidar. Mas o zelador conseguiu chamar a atenção dos garotos e fez uma grande diferença na vida deles, ensinou a palavra de forma prática, mostrando o valor do amor.

Durante o pequeno tempo em que esteve na liderança, fez muitas coisas que realmente mudou a forma daqueles jovens de encarar as coisas. Ele os levou para conhecer um doente, que havia contraído aids e permitiu que eles passassem uns dias com dependentes químicos em recuperação e até conseguiu que os adolescentes tomassem conta de um culto de domingo. No começo todos estavam resistentes, mas com o tempo foram descobrindo que tudo aquilo era importante, eles começaram a crescer na fé. Porém, pastores e líderes totalmente preocupados apenas com si mesmos decidiram tirá-lo da liderança por achar que ele estava colocando a vida daqueles adolescentes em risco.

Gostei muito do filme, pois levanta questionamentos escondidos e fala também sobre a situação atual de algumas igrejas, onde as pessoas são preconceituosas e só estão preocupadas em ganhar cada vez mais dinheiro, mas não se importam com o que é verdadeiramente importante: a alma das pessoas. Infelizmente muitos estão presos em suas igrejas, fazendo reuniões inúteis e pregando um evangelho que não vivem, sem perceberem que existem pequenas atitudes que com um pouco de apoio poderiam dar muitos resultados. Não gostei do final do filme, mas entendi. Não vou contar, pois não tem graça assistir quando já se sabe o fim, assistam e comentem aqui depois o que acharam.

Para você que é um pai de família, uma mãe, ou um líder espiritual, eu te pergunto: Será que você está direcionando seus filhos, sejam de sangue ou de fé, verdadeiramente rumo a Cristo ou está impossibilitando que eles vejam e creiam na verdade? E nós como cristãos? Estamos fazendo nossa parte, e investindo em pequenas atitudes que podem mudar e alcançar vidas, ou estamos apenas revoltados e acomodados em nosso modo de viver? 

Sinopse do Filme a Primeira Pedra: "O que há em comum entre um negro pobre e faxineiro e um bando de adolescentes classe média de uma igreja americana? Tudo. Este filme dá uma nova visão sobre nossos valores contemporâneos, sua história expõe a ferida de nossa sociedade "sem" preconceitos. Certamente você será levado a um desafio sobre o que Deus pode fazer com gente sem solução, gente como nós, gente que precisa olhar para seus erros e frustrações e tomar consciência antes de atirar a "Primeira Pedra"."






Leia também:
Continue Lendo...

Ballet Clássico: A aula

Dicas Gerais para a Aula de Ballet - Blog Dança Cristã


E aí meus amores, tudo bem vocês? Hoje vamos falar sobre Ballet... Vou dar algumas dicas básicas, mas extremamente essenciais para vocês aproveitarem melhor as aulas, espero que coloquem em prática.

Não chegue atrasado: Chegue sempre no horário e se possível, um pouco mais cedo. A primeira parte das aulas geralmente são os alongamentos, e é extremamente importante que você participe. Comece a se aquecer antes mesmo de entrar para a aula, quanto mais você se preparar, mas sua aula renderá.

Não faça aula sem preparação: Como foi dito no tópico anterior, é muito importante que você se aqueça e alongue-se antes das aulas. Portanto, nunca comece a aula sem antes fazer isso. Se acontecer algum imprevisto e você chegar atrasado, e tiver perdido os alongamentos, vá para o fundo da sala e alongue-se sozinho, só depois comece a fazer a aula. É melhor perder uma parte da aula se alongando, do que começa-la sem preparação e correr o risco de se machucar.

Use coque e uniforme: Não vá para as aulas de qualquer maneira. Faça um coque bem feito, coloque a redinha, prenda a franja e use bastante gel para não correr o risco de seu cabelo cair. Também é importante que você esteja sempre uniformizado, com meia calça, collant, sapatilha e qualquer outro item exigido pelo professor.

Evite o uso dos acessórios: Brincos grandes, pulseiras, relógios, e qualquer outro acessório que possa atrapalhar você durante a aula, devem ser evitados.

Previna-se: Coloque dentro de sua bolsa pelo menos uma meia reserva, um lanche saudável e uma garrafa de água. Nunca se sabe o que vai acontecer, pode ser que você saia mais tarde da aula, e fique com fome, ou que algum item estrague e você precise substitui-lo portanto, esteja prevenido.

Não mascar chiclete durante a aula: Evite ficar mascando chiclete ou qualquer outro tipo de bala durante as aulas, também não fique comendo qualquer outro alimento fora de hora. Procure lanchar antes de ir para a aula, e se for ficar lá por muito tempo, coma apenas quando a professora permitir.

Não se distraia durante a aula: Seu foco deve ser a aula, portanto sua atenção deve estar totalmente voltada para ela. Desligue o celular, não fique atendendo ligações ou acessando a internet. Tenha disciplina, não fique de conversinhas paralelas e nem saindo da sala toda hora. 

Respeite seu professor e seus colegas: Todos gostam de ser respeitados e você está ali porque quer aprender. Não critique um amigo que sabe menos, obedeça seu professor e siga suas recomendações. Você não é melhor que ninguém, aceite isso e não fique criando confusão com seus colegas.

Respeite seus limites e nunca desista: Não faça muita força além do que você consegue suportar, somente para surpreender alguém, para se sentir melhor que os outros ou por querer aprender tudo rapidamente. Mas não desista de um exercício, uma sequência ou uma coreografia, por achar que não consegue, se esforce para ir além do que você foi na aula anterior, dentro de seus limites. Ballet é dedicação, cada dia se aprende um pouco, hoje você é melhor que ontem, amanhã melhor que hoje, portanto, respeite seu corpo. É assim que funciona. Tenha determinação e nunca desista.

As aulas de Ballet são extremamente importantes para o seu desenvolvimento, portanto, aproveite-as ao máximo e dê o seu melhor!






Leia também:
Continue Lendo...

Qual o seu sonho?


Hoje vamos falar sobre sonhos, sobre acreditar em você e acreditar que quando se tem um sonho só depende de nós mesmos para realizá-lo. Qual o seu sonho? O que você tem feito para alcança-lo? Será que você tem dado ouvido ás vozes que dizem que você não pode alcançar? Será que os teus sonhos são os mesmo que o Senhor sonhou para você?

Na minha opinião, não é legal você sair contando para todo mundo sobre o seu sonho, é verdade que nem todo mundo deseja o seu mal, ou querem que as coisas deem errado, mas existe esse tipo de pessoa sim, que vai torcer para que você nunca chegue lá, que tem medo de você conseguir e se tornar melhor que ela, e por isso acaba jogando palavras negativas e maldições para sua vida. Mas o problema não é só esse. Tem muitas pessoas que gostam de você de verdade e que torcem por você, e por isso motivo elas tem medo de você não conseguir alcançar o que deseja e acabar se frustrando.

É o caso de sua família, que pode até dizer para você desistir porque temem que você perca tempo da sua vida e não alcance o que tanto almeja. Sua família pode dizer que não vai dar certo, que é algo muito alto para você, que você deveria estar investindo em algo mais seguro, que isso é perca de tempo, não porque ela não quer que você consiga, mas por medo de não dar certo e você estar se iludindo. E de certa forma estas palavras podem acabar fazendo com você desista. Você ouve tanto que isso não vai dar certo, que não vai acontecer nunca, que você mesmo começa a aceitar esses pensamentos negativos, e aceitar seu fracasso antes mesmo de tentar.

Eu tenho muitos sonhos, que não conto para ninguém, guardo somente para mim. Porque quando compartilhamos nossos sonhos e as pessoas começam a nos criticar, nós mesmos trazemos isto para nossa vida. Portanto, te dou esta dica, se o que você sonha é algo muito grande para ser realizado, então guarde somente para você, não saia contando por aí pra todo mundo. Quem tem que acreditar no seu sonho tem que ser você. Mesmo que todos digam que é muito difícil, ou muito alto para você conseguir alcançar, não desista.

Nós só temos uma vida, e não vamos passar por aqui de novo, se Deus quiser iremos para um lugar muito melhor do que aqui, mas isso não quer dizer que não devemos aproveitar o momento que Deus nos deu, o presente tão bonito que é a vida. Deus te deu uma vida e o que você tem feito com ela? Será que você está vivendo seus sonhos, ou está vivendo sem sonhar? Se você acha que seu sonho vai levar muito tempo, deixa eu te contar uma coisa: o tempo vai passar de qualquer forma. E você vai ficar aí sentado esperando ele passar? Não desista de um sonho por pensar que ele é muito difícil, nada na vida é fácil, então não se iluda. É até aceitável você falar que tentou, mas não conseguiu. Mas não é aceitável você dizer que não conseguiu, porque nunca tentou.

É completamente normal, você tentar e desistir, porque descobriu no meio do caminho que aquele sonho não era exatamente o que você queria, ou porque percebeu que aquilo não era tão importante assim, como você pensava, ou ainda porque descobriu que não gostava daquilo de verdade. Mas tudo isso você só vai saber se tentar. Você pode passar a vida inteira sonhando, e não fazendo nada para realizar isso, ou passar a vida inteira tentando realizar o que você tanto sonhou. E o que pode dar errado? Nada, se você tentar, o máximo que pode acontecer é você conseguir realizar. 

Se o seu sonho é viajar para algum lugar, comece hoje mesmo a fazer um orçamento da viagem e um planejamento do que você terá que juntar e os custos que deverá cortar para alcançar determinado valor. Se o que você deseja é passar em um vestibular, faça sua inscrição no próximo semestre, mesmo que ainda não esteja preparado, mas faça, e veja qual será sua posição, comece a trabalhar em cima disso para chegar aonde pretende. É preciso muita coragem para sonhar, e mais ainda para se levantar e começar a agir. 

Mas e quando você sonha, mas não sabe se esse sonho condiz com a vontade de Deus? A palavra diz: "Consagre ao Senhor tudo o que você faz, e os seus planos serão bem-sucedidos." Provérbios 16:3. Então meus amados, se você tem um sonho, consagre-o ao Senhor. Seus planos serão bem sucedidos, se esta for a vontade dele e se não for, você saberá: "Muitos são os planos no coração do homem, mas o que prevalece é o propósito do Senhor." Provérbios 19-21. Devemos sonhar e fazer planos? Sim, mas temos que estar conscientes de que os sonhos de Deus é que irão prevalecer. A vontade dele é boa, perfeita e agradável, Ele não nos decepciona nunca: “Porque Deus é quem efetua em vós tanto o querer como o realizar, segundo a sua boa vontade.” Filipenses: 2-13.

Bom, minha mensagem de hoje é esta: Se você tem um sonho, não desista dele por nada, se possível, guarde somente para você, se depender de outras pessoas para que ele se realize, conte apenas para tais pessoas ou para aquelas que você sabe que estarão ao seu lado te dando força e não te desmotivando. Não fique ouvindo palavras negativas de quem diz que você não consegue, mas coloque seus sonhos nas mãos de Deus. E dê o primeiro passo, se você apenas começar, Deus pode fazer o restante para você, mas se você nada fizer e ficar sentado esperando que alguma coisa aconteça, Deus também nada fará. Converse com Ele, peça a ajuda dele, faça a sua parte, e acredite, a única coisa que pode te impedir de realizar seus sonhos são seus medos.

“O que ninguém nunca viu nem ouviu, e o que jamais alguém pensou que podia acontecer, foi isso o que Deus preparou para aqueles que o amam.” - 1 Coríntios: 2-9.


Continue Lendo...

Para Salvar uma Vida

Indicação de Filmes - Para Salvar uma Vida - Blog Dança Cristã

"A vida é uma jornada, ela não leva a um destino exatamente, mas a uma transformação. Se olharmos pra trás não parece que os nossos melhores momentos vieram em meio aos momentos mas difíceis? Mas DEUS nos fez para vivermos em comunidade, pra gente rir, chorar, sofrer e comemorar uns com os outros, não importa pelo que estivermos passando, a transformação é difícil e nem sempre acontece como imaginamos… Mas precisamos nos lembrar que mesmo enquanto lutamos para confiar nele, ele sempre confia em nós. E ele encherá nossas vidas com amor e propósito se assim permitirmos." - Para Salvar uma Vida

Bom dia meus queridos, talvez vocês estivessem esperando um filme sobre dança, não é mesmo? Peço desculpas, porque primeira indicação de filme não será sobre dança... Procurei bastante e me surpreendi com a quantidade de filmes que encontrei, porém, NENHUM cristão, acreditam? Mas calma, não se apavorem, pois, mesmo sendo seculares, a maioria deles são bons e muitos de motivação, que nos dá uma energia a mais para correr atrás do que sonhamos, e vou sim indica-los, porém, em outra hora. Porque hoje quero falar de um filme que mexeu muito comigo, e que acredito que todos os jovens cristãos deveriam assistir. O nome dele é: "PARA SALVAR UMA VIDA".

O filme retrata a realidade de muitas igrejas e muitos jovens de hoje ao mostrar jovens com conflitos familiares, amorosos, etc. Ele mostra também a importância de sermos amigos e amar as pessoas, e nos ajuda a enxergar a grandeza do amor de Deus para conosco. Alguns dos temas abordados pelo filme são, bullying, drogas, gravidez na adolescência, aborto, amizade, solidão, suicídio, auto mutilação (pessoas que se cortam), entre outros. Todos os temas tratados são reais, acontecem em nossa sociedade e no meio de nossos jovens e adolescentes, mas muitas vezes não enxergamos.

O filme abre nossos olhos a respeito de muitas questões como:

- Pessoas que entram em nossas igrejas e saem todos os dias da mesma forma que entraram, sem mudança de vida.
- Pessoas que chegam até nossas igrejas e nem se quer damos a mínima, não vamos atrás quando ela deixa de ir, ignoramos e perdemos uma grande chance de ganharmos essa vida.
- Jovens vivendo uma vida dupla, que estão dentro da igreja, mas se drogando fora dela, e infelizmente, isso é uma realidade, que muitas vezes aceitamos e nos conformamos.
- Jovens que aceitam Jesus, mas se sentem completamente perdidos em meio as dificuldades. Algo que acontece muito com novos convertidos e nem sempre procuramos ajudar.
- Jovens que não querem assumir a responsabilidade de seus atos, que preferem abortar ou doar uma criança para adoção do que arcar com as consequências, por não querer abrir mão de seus sonhos e projetos, onde ter um filho mudaria tudo.

O personagem principal é Jake Taylor, um jovem rapaz que além de ser o garoto mais popular do colégio, tem uma bolsa de estudos para jogar basquete e a garota mais desejada da escola. Desde criança ela mantinha uma amizade com Roger Dawson que, ao contrário dele, não tinha nada. Com o tempo eles acabaram se afastando pela popularidade de Jake e pelo seu estilo de vida, o qual Roger, não mais se adequava. Então ele se vê sozinho, humilhado e sem esperança, quando decide tirar sua própria vida. Isto acaba gerando em Jack um sentimento de culpa e algo muda dentro dele, e a partir daí ele se vê comprometido em ajudar outro rapaz com um comportamento semelhante e começa a se perguntar se ele poderia ter feito algo para salvar a vida do amigo. Jack conhece Jesus mas, percebe que as coisas estão cada dia mais difíceis para ele e em meio a tantas dificuldades, ele se questiona sobre o que Deus tem para sua vida e sobre o que ele realmente quer. Vale ressaltar que a história continua no livro "A escolha de Jack". 

Para Salvar uma Vida não é apenas um filme, mas um projeto, no qual, o filme faz parte. É excelente e traz ensinamentos valiosos, que vale a pena trazer para nossa vida. Também nos leva a uma reflexão de como estamos agindo como igreja, como cristãos e cidadãos.

- Porque julgamos alguém quando este comete um erro, e até "colocamos no banco" ou "na disciplina", sem ao menos nos importarmos com o que aquela pessoa está passando naquele momento de sua vida?
- O que estamos fazendo para mudar a vida de outras pessoas? Algumas pessoas querem apenas ser ouvidas.
- Jesus, fez o maior sacrifício por todos nós, mas e nós, o que estamos fazendo por Ele e pelos nossos semelhantes? Será que ir a igreja é suficiente?
- Quantos jovens cristãos ousam falar de Deus em lugares onde a maioria das pessoas não conhecem Jesus?

Estes e vários questionamentos nos levam a refletir sobre nosso verdadeiro papel como cristãos. Indico o filme e também os livros: "A escolha de Jack" e "Para Salvar uma vida - Ouse fazer a diferença", pois se complementam. 

Espero que gostem da dica de hoje. Deus abençoe vocês!!!






Leia também:
Continue Lendo...

O Verdadeiro Arrependimento

O remorso aprisiona, o arrependimento liberta.
E, naqueles dias, apareceu João Batista pregando no deserto da Judéia, E dizendo: Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. -  Mateus 3:1-2

O capítulo 3 de Mateus começa com um tema muito importante: o arrependimento. João Batista foi o primeiro a falar sobre este tema no Novo Testamento.

Quando se fala em arrependimento, logo nos vem a cabeça a ideia de culpa, tristeza, um sentimento ruim que gera em nós uma amargura e raiva de nós mesmos. Mas, isto não é arrependimento, e sim, remorso. O remorso aprisiona, o arrependimento liberta. Uma pessoa que se converte, abandona seus pecados, mas logo, volta a cometê-los, não se arrependeu, ela apenas sentiu um remorso. E depois que esse remorso passou, ela volta a sua vidinha comum de pecados, pois não estava focada em fazer a vontade de Deus.

O arrependimento verdadeiro é aquele que gera em nós uma mudança completa da nossa mente, e mudanças práticas em nossa vida. O arrependimento nada mais é, que uma atitude, uma decisão. Decisão de pensar diferente, de agir diferente, de viver diferente. Não adianta dizer que estamos arrependidos de algo, quando nossas atitudes não provam nossas palavras. O arrependimento quando é verdadeiro, gera bons frutos na vida do cristão. Porém, não garante que nós não vamos nunca mais errar, somos humanos e passíveis de erros, mas precisamos nos esforçar sempre, vigiar e orar para não cairmos em tentação, e se isso acontecer, devemos ser humildes o suficiente para pedir perdão a Deus e recomeçar.

Há muitos cristãos dentro das igrejas vivendo uma vida dupla, cristãos que pregam o arrependimento, mas não o vivem. E não é isso que Deus quer de nós. Ele deseja que nosso arrependimento seja real e profundo, que nosso coração esteja puro e limpo. Chega de mudanças temporárias e superficiais, vamos nos entregar por completo a Deus, colocá-lo no centro de nossas vidas e vivermos segundo a vontade dEle. Amém?!


Continue Lendo...

Sentindo a dor de Deus

Sentindo a dor de Deus, Blog Dança Cristã, Milene Oliveira,
"O Filho do homem enviará os seus anjos, e eles tirarão do seu Reino tudo o que faz cair no pecado e todos os que praticam o mal. Eles os lançarão na fornalha ardente, onde haverá choro e ranger de dentes." - Mateus 13: 41-42
Eu sempre fui contra a ideia de existir um inferno, sempre acreditei, claro, mas achava injusto um Deus tão bom e tão misericordioso, ter coragem de colocar um ser que Ele mesmo criou em um lugar tão horrível como este. E sempre me perguntava como isso era possível, pois na minha opinião, mesmo as pessoas mais cruéis mereciam estar na Glória e desfrutar do melhor de Deus. Até que um dia eu consegui entender um pouquinho da ira de Deus, vou contar pra vocês como isso aconteceu.

Eu estava no meio de uma conversa sobre religião, falando sobre dízimos, um assunto muito polêmico entre os não cristãos, quando uma pessoa virou para mim e disse: “Eu não acredito que é certo dar dinheiro para a igreja, pode até ser que tenha isso na Bíblia, mas eu não leio e não interesso em ler, então não acredito, da mesma forma que também NÃO ACREDITO QUE JESUS VAI DESCER NA TERRA como o povo fala!” Me lembro como se fosse hoje, de cada palavra que eu ouvi e confesso pra vocês que naquela hora me bateu uma tristeza muito grande e eu só queria chorar. Tenho certeza que meu Espírito se entristeceu, porque a angústia que eu senti foi muito grande.

Eu, como cristã, senti que aquele momento era uma boa oportunidade para alertar aquela pessoa e então respondi, dizendo que aqueles que não acreditarem em Jesus, não terão lugar no Reino de Deus. Mas quando eu disse isso, aquela pessoa soltou gargalhadas, como se tivesse acabado de ouvir algo muito engraçado, pois para ela realmente foi. E daí veio mais uma resposta: “Quem é você para me dizer que vou para o inferno? Que inferno? Nem se um anjo descer aqui, ele não tem direito de me falar isso, porque EU NÃO ACREDITO! E não acreditar, é um direito meu.” Naquele momento, tudo que eu estava desejando era que Ele voltasse ali, naquela mesma hora e mostrasse para ela que estava errada. Tive vontade de sumir dali. Não entendi porque estava sentindo aquilo, foi então que percebi que essa a resposta que eu precisava para aquelas dúvidas que a muito tempo me incomodavam.

E então, eu finalmente entendi a ira de Deus, deve ser horrível a dor que Ele sente ao ver que as pessoas não se importam, não acreditam e não estão nem aí para Ele. Ele criou o mundo, os pássaros, as árvores, e tudo que nele há, poderíamos viver em um lugar perfeito, mas o homem estragou tudo. Quantas decepções Deus sofreu. E quantas Ele sofre todos os dias, em todos os momentos. E se eu que não sou nada diante de Deus senti tanta tristeza, imagina Ele. Eu não sei porque estou escrevendo isso aqui, não era o que eu havia planejado para falar hoje, mas foi o que Deus me pediu para falar. Com certeza deve ter pessoas precisando ler isso, pessoas que assim como eu, também se perguntam: “Porque existir inferno?” “Porque Deus não perdoa todo mundo?” “Que injustiça!” “Ele não é tão bom? Cadê a misericórdia?”. Provavelmente Deus queria que esse texto falasse com alguém quando me fez escreve-lo.

Coloque-se no lugar de Deus, mesmo que ninguém diga nada disso para você, pense em todas as pessoas que te machucaram, que você confiou, acreditou e te decepcionaram, pense naquelas pessoas que você perdoou, mas vacilaram com você de novo, dói, não é mesmo? Muitas vezes nos iramos e nos sentimos incapazes de perdoar. Agora, imagina para Deus, que se decepciona com as pessoas todos os dias. Mas Ele nos criou à imagem e semelhança dEle. Ele nos ama e não desiste de nós, apesar de tudo que fazemos de ruim. Ele nos dá uma vida inteira, muitos e muitos anos para nos arrepender e acreditar em Jesus Cristo, aceitando-o como nosso Senhor e Salvador, e é só isso que precisamos fazer e mesmo assim muitas pessoas ainda insistem em viver a sua maneira ignorando a palavra de Deus. 

Pode ser dura, mas é esta a realidade. JESUS VAI VOLTAR!!! E quando isso acontecer todos verão a sua glória, volte-se para Ele, creia enquanto há tempo, não deixe Ele voltar e você perder tudo aquilo que Deus preparou para os que o amam. Se você não consegue acreditar, experimente falar com Deus ao menos uma vez e pedir a Ele que faça brotar em seu coração o temor a Ele, que lhe ajude a acreditar, que lhe ensine a confiar. Mas não fique como está, você pode se arrepender amargamente. Não se arrisque, não queira tirar a prova, não queira ver se existe inferno mesmo. Não pague pra ver. Se é pra arriscar, arrisque-se acreditando, melhor garantir a salvação do que morrer sem ela!!!!


Continue Lendo...

Ministério de dança é coisa séria

Ministério de dança é coisa séria - Dança Cristã


Do que adianta subir em uma plataforma e dizer que estou dançando para Deus se não danço para Ele enquanto estou sozinha no meu quarto? Do que adianta querer mostrar meu talento para toda a igreja se dentro de mim se encontra um coração amargurado, cheio de ódio e rancor? Do que adianta querer salvar vidas através do meu dom quando nem a minha própria vida está salva? Do que adianta querer dançar, se eu não tenho um coração de adorador, se eu não tenho uma comunhão intensa com o Espírito Santo, aquele que deve se manifestar em mim enquanto estou dançando?

Fico chateada quando vejo as pessoas tratando a dança como algo legal, ou bonito e fazendo por fazer apenas, sem ter um propósito, um objetivo (Leia: "Qual o propósito de um Ministério de Dança?). A nossa dança tem que ser o reflexo da nossa vida. Se eu não tenho o hábito de dançar para Deus quando ninguém está olhando, então eu também não devo dançar enquanto tem pessoas a minha volta. Se eu não vivo a palavra de Deus, não devo prega-la. Se eu não tenho uma comunhão com o Senhor não adianta querer que o Espirito Santo se manifeste enquanto eu danço. Se a sua vida não está focada no Senhor, se Ele não é o centro, você não pode querer cuidar de outras vidas, ou toca-las através da sua dança, pois você também precisa ser tocado e cuidado. 

Portanto, vamos refletir sobre como tem sido nossa vida... Eu tenho uma comunhão com o Espírito de Deus? Eu tenho orado pelas pessoas? Eu tenho feito algo pelo reino de Deus, além de subir em uma plataforma e dançar? Eu tenho sido útil na minha igreja, tenho ajudado quando preciso, ou só me preocupo em dançar? Eu estou com a minha vida em ordem para cuidar de outras vidas? Se a sua resposta a alguma destas perguntas for não, pare de dançar hoje mesmo. E comece a viver verdadeiramente o que você tem pregado. 

Precisamos entender que dança na igreja não é para qualquer um, não é para quem quer, nem para quem não vive o evangelho... Dançar é para quem tem um chamado, para quem está disposto a deixar suas dores de lado, por saber que Deus está cuidando delas, para então cuidar das dores dos outros. Dançar é para quem já chegou tão alto em seu relacionamento com Deus, que não consegue mais expressar seus sentimentos em palavras e por isso se expressa em movimentos. Dançar é para quem conhece a palavra, e vive, porque dança também é evangelização e você não pode falar de Deus se não O conhece, também não pode ensinar o caminho correto para as pessoas se nem você mesmo o segue. Dançar é para quem está disposto a sair de sua zona de conforto para crescer sempre mais. É para aqueles que amam as pessoas e se preocupam com a alma delas. 

Dançar não é para quem acha legal ou bonito, dançar não é para quem gosta, também não é para quem sabe, pouco importa se você sabe dançar bale, jazz, hip hop ou o que for. Você pode até ser experiente e dançar bem, mas isso não é suficiente, a dança só será para você se Deus disser que é isso. Você precisa ser chamado por Deus (Leia: "O Chamado de Deus") e esse chamado deve arder em seu coração de tal forma que você nunca se conforma com o que recebe de Deus, você quer sempre mais, você busca sempre mais, porque tem fome e sede, porque ama seu chamado e quer usá-lo não para benefício próprio ou para lazer, mas para alcançar, cada vez mais pessoas, para o Reino de Deus. 

Ministério de Dança é coisa séria e não pode ser levado de qualquer maneira. Aprendam isso ministros e depois dancem!!!!





Leia também:
Continue Lendo...

© Milene Oliveira - 2018 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Jaque Design |
imagem-logo