segunda-feira, março 28, 2016

Dicas para auxiliar na leitura da Bíblia



Dificuldades para ler a bíblia?
Confira algumas dicas práticas que vão auxiliar você!

 Dicas para auxiliar na leitura da Bíblia


Você sabia que a Bíblia é o livro mais vendido no mundo? Este é um livro maravilhoso e cheio de ensinamentos, que nos mostra como viver melhor e de uma forma que agrada a Deus. A bíblia é a arma do cristão, aqueles que leem e buscam viver o que este livro nos ensina nunca mais são os mesmos, pois ela possui um poder incrível de transformar vidas. Porém, apesar de todas as suas qualidades não há como negar que este livro não é tão simples de ser lido e que é preciso muito cuidado para não distorcer as mensagens que ela nos passa. E é por isso que quero deixar algumas dicas para lhe auxiliar na hora da leitura. Vamos lá?


1. Não leia a Bíblia abrindo-a aleatoriamente: Um erro que muitas pessoas cometem é abrirem a bíblia em uma página qualquer e começarem a ler o que está escrito ali, sem se preocuparem com o contexto (aquilo que vem antes e depois de determinado trecho). Fazendo isso as chances de entender uma mensagem de forma errada são muito maiores, sem falar que será mito mais difícil lembrar-se depois do que foi lido e você continuará não sabendo nada da Bíblia e o pior, tentando adivinhar aquilo que o texto, que você nem lembra mais, queria dizer. Cuidado!

2. Leia um livro todo de cada vez: Como eu disse anteriormente, é muito importante o entendimento dos contextos, portanto procure ler um livro todo antes de passar para o outro. Tem pessoas que um dia leem um capítulo de Mateus, no outro de Provérbios, depois de Apocalipse, e por aí vai..., achando que estão fazendo o certo, mas sem ter um seguimento, sem ler também os contextos. Isto pode fazer com que os textos tenham sentidos diferentes do real. Se você quer ler primeiro o livro de Mateus, leia-o todo, só depois passe para outro livro.

3. Tenha sempre um dicionário por perto: É normal encontrarmos na Bíblia palavras difíceis que não conhecemos o significado, continuar a ler sem pararmos para entende-las é um tipo de leitura pobre e fraca, portanto, sempre que for ler, deixe um dicionário ao seu lado, pare, quando não entender determinada palavra e só continue quando estiver certo de compreendê-la.

4. Não leia a Bíblia em qualquer lugar: A leitura da Bíblia exige foco e atenção, portanto tentar lê-la em locais barulhentos, agitados ou que lhe desviem a atenção não é uma boa ideia. Dificilmente você conseguirá concentrar-se em diversas coisas ao mesmo tempo, portanto esteja exclusivamente voltado à leitura da palavra, procure lugares tranquilos, onde o risco de ser incomodado seja mínimo.

5. Leia a Bíblia regularmente: Algumas pessoas começam a leitura super empolgadas, lendo dois ou três capítulos por dia, todos os dias da semana, mas depois não conseguem manter esse ritmo e passam a ler uma vez por semana, depois uma vez por mês, até pararem. Isso é ruim para nosso cérebro que para aprender coisas mais complexas, precisa ser exposto com frequência a elas. Se você deseja dominar o texto bíblico precisa aprender a ter regularidade. Você não conseguirá conhecer a Bíblia estudando apenas alguns minutos por semana. Dedique mais do seu tempo, comece devagar e depois vá aumentando, quando menos perceber estará fazendo da leitura bíblica um hábito diário.

Ministro de dança que não lê e não estuda a palavra, não é ministro!!! Portanto, se você tem dificuldades para ler a Bíblia, siga estas dicas apresentadas aqui e continue tentando. Sem palavra,  não há dança, pois como poderemos dançar e transmitir algo de Deus para as pessoas se não temos a palavra dele firmada em nosso coração?


Leia também:

sexta-feira, março 25, 2016

Cristo, Nossa Páscoa!

Cristo, Nossa Páscoa!
"Por que vocês estão procurando entre os mortos aquele que vive? Ele não está aqui! Ressuscitou! Lembrem-se do que ele lhes disse, quando ainda estava com vocês na Galiléia: ‘É necessário que o Filho do homem seja entregue nas mãos de homens pecadores, seja crucificado e ressuscite no terceiro dia’". - Lucas 24:5-7

Ele veio ao mundo e se tornou o maior exemplo de amor e verdade que a humanidade conheceu. Sua proposta de vida não foi entendida por muitos, que ignoraram os seus ensinamentos e o acusaram. Ele sofreu, foi condenado, foi crucificado, foi morto... E o plano do Senhor se cumpriu. Mas este homem ressuscitou ao terceiro dia e graças a Ele, hoje podemos ser salvos. Para que pudéssemos ter vida, Ele morreu. Mas reviveu! E é este, o sentido desta data tão especial: A PÁSCOA.

O significado da Páscoa vai além dos ovos de chocolate ou dos coelhinhos. Vai além do feriado, das vendas no comércio, das festas e presentes... Cristo morreu! Ele se entregou por nós, para que nossos pecados pudessem ser perdoados. Ele não precisava ter aceitado isso, poderia ter acabado com todo o seu sofrimento se quisesse, mas Ele resistiu até o fim, por amor... Por amor a mim, a você, a todos nós. Não podemos ignorar tudo o que Ele fez. Ele cumpriu o plano de salvação de Deus para os homens, que incluía o meu nome e o seu também. Hoje podemos ter esperança, de que um dia iremos viver com Ele eternamente longe de todo o sofrimento e maldade deste mundo. 

Mais importante que encher nossas casas de chocolate, é nos enchermos da presença de Deus. Que o amor, a paz, a fraternidade, a comunhão e a fé estejam presentes em nossos corações nesta Páscoa. Que possamos nos lembrar do seu verdadeiro significado. Que Jesus encontre lugar em nossas mesas e gratidão nos corações. Que Ele olhe para nós e sinta alegria em ter nos dado esperança e vida.

Oremos:
Senhor Jesus, eu me coloco agora na tua presença, eu quero celebrar contigo esta data tão especial, que há mais de dois mil anos continua sendo lembrada e celebrada. Sabemos que muitos se esqueceram de tudo o que a Páscoa significa, mas eu me lembro, e lhe agradeço. Agradeço por ter aguentado todo sofrimento até o fim por amor a mim. Agradeço por ter sofrido uma dor, uma acusação e uma morte que deveria ser minha e não tua. Agradeço porque mesmo sendo tão falho e pecador, tu me deste vida, ao morrer naquela cruz. Graças a ti hoje eu tenho esperança, hoje eu posso crer em uma vida melhor, na eternidade ao lado de Deus, ao teu lado, Senhor. Nada que eu fizer se compara à tamanho sacrifício, por isso te ofereço minha vida. Tudo o que tenho e sou eu lhe entrego. Obrigada Senhor por tudo o que fizestes por mim, quero caminhar contigo até o fim, e alcançar a vitória. Eu te amo Senhor, graças te dou, Santo, Santo é o teu nome. Eu oro em nome de Jesus, amém!!!


Leia também:


Desejo a você e toda a sua família, uma Feliz Páscoa, ao lado do Santo dos Santos, Senhor Jesus!!! Deus abençoe a todos, graça e Paz!

Feliz Páscoa - Dança Cristã - Milene Oliveira

quarta-feira, março 23, 2016

Dicas de Ballet: Como enfrentar as dificuldades do início

As dificuldades do Ballet Iniciante, Blog Dança Cristã, Milene Oliveira, Ballet, Bailarinas dançando.

É comum bailarinas iniciantes de ballet clássico sentirem uma certa dificuldade nas primeiras aulas. Mas isto não é motivo para desistir. Por isso vou listar algumas coisinhas que podem ser feitas para ajudar vocês iniciantes, vamos la?!

1. A primeira dificuldade que muitas enfrentam, até mesmo bailarinas em níveis mais avançados é em relação aos nomes dos passos, que não são nada comuns. Decorar tanto nome estranho é complicadinho mesmo, portanto tenha sempre em mãos um dicionário de ballet e um caderninho para anotar tudo e não deixar passar nada. Quando se entende o nome dos passos se torna mais fácil aprende-los.

2. O ballet clássico exige dos bailarinos muita coordenação motora. Tudo deve ser sincronizado: braços, pernas, cabeça, coluna... Mas tentar manter toda essa sincronia é bem difícil para as inciantes. Os pés devem estar em alguma das posições, os braços também, sempre! Conseguimos aprender as posições facilmente, mas na hora de executar os movimentos ninguém sabe qual a posição correta devem estar os braços e pernas. O ideal é não tentar fazer tudo de uma vez só. Procure aprender primeiramente as posições dos pés e manter os mãos na cintura enquanto executa algum passo. Com o tempo você vai se acostumando e pegando o jeito.

3. Outra dificuldade que muitos tem, é na hora de repetir a sequencia dada pelo professor. Eu sofri muito com isso porque não conseguia memorizar o que era passado e me confundia muito. Mas com o tempo percebi que um passo puxa o outro e prestando bastante atenção consegui acompanhar. São muitos passos parecidos, mas que não são iguais, por isso é importante ficar atento. Ao chegar em casa tente repetir o que foi feito na aula, se preciso, anote. Não tenha vergonha de pedir ao professor para parar a aula até que você anote, eu fazia muito isso, e ajuda bastante.

4. O que dizer dos giros? Toda bailarina iniciante tem medo deles. Muitas até chegam a pensar que nunca conseguirão fazê-los. Mas acredite, todas as grandes bailarinas passaram por isso também, e conseguiram. Tente não se apavorar, raramente alguém consegue um giro perfeito logo de primeira. É preciso muito treino, esforço e dedicação. Aliás, tudo no ballet, exige isso. Não faça de qualquer jeito só por fazer, tenha calma, preste atenção nos pés, na forma como deve pegar impulso e treine, treine bastante. Quando menos perceber estará conseguindo.

5. Você já reparou que as músicas do ballet clássico são divididas em tempos? 2 tempos, 4 tempos, 8 tempos... Muitas bailarinas confundem, e não conseguem fazer os passos dentro dos tempos corretamente. Mas isto é completamente normal quando se está iniciando. Por isso a importância de trabalhar a musicalidade. Um bailarino precisa sentir a música e dançar conforme seu ritmo. Preste atenção a todas as batidas da música que vocês estão trabalhando e não tente fazer da sua maneira. Se você não sabe como conduzir determinado exercício dentro da música, pergunte ao professor.

6. Outras dificuldades do Ballet Iniciante incluem: manter os joelhos esticados; manter o en dehors; voltar para a posição correta ao descer de um salto; fazer plié ao inciar ou terminar os exercícios que o exigem, entre muitas outras... Portanto é essencial manter sempre essas regrinhas na cabeça e no papel e treinarem bastante em casa o que for aprendido na aula. Ballet só se aprende com a prática. Não basta ir na aula duas vezes por semana, pois isto não é suficiente, é preciso dedicação diariamente. Se você não estiver disposto a se esforçar, jamais conseguirá ser uma grande bailarina.


Leia também:

segunda-feira, março 21, 2016

Como aumentar minha fé?

Respondendo: Como posso aumentar minha fé? , Pergunta das leitoras, Blog Dança Crista, Milene Oliveira, Mulher orando.

Olá meus amores, tudo bem com vocês? De um tempo para cá tenho recebido muitas mensagens com perguntinhas dos meus leitores, por isso decidi separar aqui no blog um espaço para responder todas as dúvidas de vocês. Hoje vou responder a pergunta de uma garota, sobre como confiar mais no Senhor e sobre namoro cristão. Se você também tem alguma dúvida, precisa de uma palavra ou um conselho, entre em contato com a gente que iremos lhe responder...

PERGUNTA:


“Oi Mi, estou acompanhando o seu blog e gosto muito dos seus artigos, parabéns pelo seu trabalho. Eu tenho 19 anos sou cristã e gostaria de saber como posso aumentar a minha fé? Estou sempre orando, pedindo a ajuda de Deus em todas as situações da minha vida, leio a bíblia e mesmo assim quando passo por uma dificuldade sinto como se Deus tivesse se esquecido de mim, parece que não consigo confiar completamente nele. Isso acontece também em relação a minha vida sentimental, sou muito ansiosa, não entendo porque que aos 19 anos ainda não consegui um namorado, será que há algo de errado comigo? Será que um dia vou conseguir ser feliz no amor? Eu queria muito acreditar que Deus já está cuidando de tudo, mas tenho medo do meu escolhido nunca chegar, o que devo fazer?”

RESPOSTA:

Primeiramente gostaria de dizer que o fato de ter 19 anos e ainda não ter um namorado não significa que há algo de errado com você, eu por exemplo, tenho quase 23 anos e também não tenho namorado, nem por isso fico ansiosa, pois sei que tudo acontece no tempo de Deus e que no momento certo ele chegará. Você precisa descansar no Senhor e esperar pelo tempo dele, a ansiedade não vem de Deus e quanto mais ansiosa você ficar, mais tempo terá que esperar. Aproveite o seu tempo de solteira para fazer algo para o Reino de Deus. Estude a bíblia, aprenda mais do Senhor, busque mais dele, e não terá tempo para ficar preocupada com namorado. Enquanto seu príncipe não chega, procure ser uma princesa, cuide de sua aparência, leia livros, estude, faça cursos, aprenda coisas novas, invista em você e desfrute dessa fase tão maravilhosa que é o tempo de solteira, lá na frente você sentirá falta desse tempo. 

Se você conseguirá ser feliz no amor, eu acredito que sim, mas é você quem tem que acreditar nisso. Você crê que Deus pode abrir portas para você na área financeira, te colocar em uma faculdade e te dar um bom emprego? Você crê que Ele tem o controle sobre sua saúde e sua família? Se você respondeu que sim, é porque crê que Deus pode cuidar de todas estas áreas de sua vida, e Ele realmente pode, mas não apenas destas, da área sentimental também. Sua vida amorosa não é menos importante que a profissional ou familiar, e se Deus pode cuidar de uma, Ele pode cuidar de todas, não acha? Você só precisa crer nisso e descansar no Senhor.

“Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu” - Eclesiastes 3:1. 

Agora, em relação a sua fé, busque exercitá-la. Continue indo em frente mesmo que você não veja o restante do caminho, não seja do tipo de pessoa, que precisa ver para crer, tenha a palavra de Deus como base e não os seus sentimentos. Fale com Ele a respeito de suas dúvidas, admita que não entende certas coisas e peça a Ele que lhe ensine a confiar, mesmo sem entender. Coloque os teus sentimentos diante do Senhor, e peça uma direção a Ele, Ele sempre tem uma resposta.

Evite palavras ou pensamentos negativos, tudo aquilo que você pensa e fala pode tornar-se real, fuja destes sentimentos de fracasso, como medo, ansiedade, preocupação ou insegurança, entregue tudo ao Senhor e descanse. Quando vierem as dificuldades, tente suportá-las tranquilamente, quanto mais provações passamos, mais a nossa fé aumenta. Quando pensar que não aguenta mais e quiser desanimar, lembre-se de tudo que Deus te ajudou a suportar até aqui. E não tente passar por tudo sozinha, peça ajuda a pessoas que possam lhe auxiliar em oração.

O apóstolo Paulo nos diz em Romanos 10:17:

“Logo a fé vem pelo ouvir, e o ouvir vem pela palavra de Cristo.” 

Estude a palavra e aprenda com ela, ouça o que Bíblia nos diz, esta também é uma forma de confiarmos mais no Senhor. Lembre-se de pessoas que mesmo sem esperança confiaram no Senhor e Deus os honrou, alguns exemplos são: Jó, Moisés, Daniel, Davi, José, entre muitos outros.

Entenda que Deus age no tempo dele e conforme a vontade dele, o tempo de Deus não é o nosso tempo: 

“Não se esqueçam disto, amados: para o Senhor um dia é como mil anos, e mil anos como um dia.” - 2 Pedro 3:8.

Portanto mesmo que seja difícil você terá que esperar, mesmo que esta não seja a tua vontade, é isso que deve fazer, a não ser que queira perder o melhor de Deus. Ficamos na fila no supermercado, no banco, e em tantos outros lugares, e mesmo não gostando somos obrigados a esperar não é mesmo? Quanto mais rápido você se acostumar com esta ideia, mais fácil será.

Você sabia que a fé tem um preço? E este preço é: tempo com Deus e obediência a Ele. Não existe outra forma, quanto mais próximo você fica de Deus, mais seguro você se sente nos braços dele. E quanto mais distante você estiver, mais difícil se torna confiar. 

Espero que tenha ajudado!!! Fiquem com Deus, graça e paz! Deus abençoe você!!【ツ】


quarta-feira, março 16, 2016

A Filha do Pastor

Dica de filme: A Filha do Pastor - Blog Dança Cristã - Milene Oliveira

Olá meus amores, hoje eu quero indicar um filme muito bom, que eu assisti e gostei muito: A FILHA DO PASTOR. Ele já é bem conhecido entre as garotas cristãs, mas se você ainda não conhece, vale a pena dar uma conferida. Vale ressaltar que não é indicado apenas para garotas, acredito que os rapazes também podem aprender muito com este filme.

Como o próprio nome diz, o filme conta a história da filha de um pastor, Angie, cantora do coral da igreja onde seu pai prega, que decide abandonar a vida religiosa para viajar em busca de fama. A jovem briga com o seu pai e viaja contra a vontade dele. Mas o seu ato precipitado lhe traz muitas consequências e ela descobre que a vida longe dos caminhos do Senhor é muito mais difícil do que ela imaginava. Ela se apaixona por um cantor de teatro e sofre muitas desilusões com ele. É humilhada, espancada e vive momentos de profundo arrependimento, até o dia em que decide finalmente voltar para a casa e para a igreja, de onde nunca deveria ter saído.

A história é baseada na parábola do filho pródigo, também muito conhecida pelos cristãos, e mostra a dura realidade que muitos vivem ao abandonar a casa de Deus. O filme é bem verdadeiro e retrata aquilo que acontece com muitos jovens: se apaixonam, se entregam facilmente, perdem a cabeça, brigam com o pais, saem da igreja, pensam que estão certos e só descobrem que não, depois de serem expostos a diversas situações que lá na frente lhes causam muito arrependimento e dor. E tudo poderia ser evitado, se simplesmente eles tivessem ouvido os pais pensado antes de tomarem  suas decisões. 

Então galera, assistam, tomem como exemplo e pensem bem antes de abandonarem tudo, seja por dinheiro, fama ou uma paixão. Não vale a pena trocar o que Deus tem pra gente, para viver nossa própria vontade, não vale a pena nos arriscarmos. Não tomem decisões precipitadas sem antes receberem de Deus uma confirmação. Lembrem-se: a vontade de Deus é boa, perfeita e agradável e o que Ele tem preparado para nós é muito melhor do que podemos imaginar. Fiquem com Deus, graça e paz!!!


Leia também;

sexta-feira, março 04, 2016

Porque você dança?

Porque você dança?. bailarina, garota dançando, vestido branco, - Blog Dança Crista - Por Milene Oliveira

Em algum momento você já se perguntou porque você dança? São tantas dificuldades que temos que enfrentar no ministério e quantas vezes nos vemos cansados e desanimados, mesmo assim continuamos, mas porque continuamos? Porque tanto esforço? Porque investir nosso tempo e dinheiro nisso? Qual o propósito de tudo isso? O que move você? O que te motiva? Os figurinos, a maquiagem, os aplausos, elogios, olhares? Porque entre tantas outras coisas que você poderia fazer, escolheu dançar? Porque você gosta? Porque se sente bem dançando? Para mostrar aos outros o que sabe fazer? Sua dança possui algum efeito espiritual ou causa algum impacto sobre aqueles que o assistem? Alguma vez você já se fez alguma dessas perguntas? E foi honesto o suficiente para responde-las com sinceridade?

Queridos, quando você não entende o seu chamado e não é motivado pelo Espírito Santo, sua dança de nada vale. Se você dança simplesmente porque acha bonito, porque gosta ou para estar em evidência e receber elogios e aplausos, todo esse prazer acaba ao descer do palco, a dança não tem sentido, você desce e a emoção acaba. As pessoas não conseguem sentir a presença de Deus quando você dança, porque nem você mesmo sente. E do que adianta isso? Ser uma ótima bailarina, ter uma técnica perfeita, dançar coreografias maravilhosas, mas ao terminar a música não continuar sentindo o mover e o toque do Senhor em sua vida? Do que adianta ter o dom, o talento, se não for para louvar a Deus? Sem a presença do Espírito Santo, a sua dança não tem valor diante de Deus, são apenas passos vazios que nada transmitem.

Infelizmente, ainda existem muitos ministros de dança que dançam apenas por dançar sem entenderem verdadeiramente o seu papel dentro da igreja, ministros doentes espiritualmente, que não tem a mínima noção do propósito de Deus para suas vidas, agindo conforme a carne e não o Espírito. Não seja apenas mais um, faça uma reflexão sobre você mesmo, responda as perguntas feitas no início de forma sincera, procure descobrir qual o seu papel dentro do ministério e agir movido pelo Espírito Santo de Deus. Há pessoas esperando por uma cura espiritual, uma restauração, uma transformação, e você pode fazer isso através da sua dança, não perca mais tempo.

Oração:
Senhor, eu quero te adorar através da minha dança, porque isso é o mínimo que posso fazer diante de tudo que tem feito por mim. Todos os dias da minha vida quero expressar meu amor e minha gratidão pelo Senhor. Eu quero que a minha dança cause um impacto na vida das pessoas, que ela cure, liberte, restaure e salve vidas. Que eu sinto a tua presença ao dançar e que este sentimento seja transmitido para aqueles que me veem dançando. Que ao terminar a minha dança eu continue sentindo o mover e a presença do Senhor, pois se não for assim, minha dança não vale nada e se ela não tem valor, eu não quero dançar. Amém?! Deus abençoe vocês!!



Leia também:

quarta-feira, março 02, 2016

Não Desista do Seu Ministério (Parte 2)


É normal em algum momento você se sentir desmotivado e até mesmo pensar em desistir de seu ministério, já falei sobre isso antes no texto: Não desista do seu ministério. Hoje, voltando novamente a falar sobre este assunto quero lhe mostrar alguns motivos para não desistir, vamos lá?!
Não Desista do Seu Ministério (Parte 2) - garota pensando, garota olhando para o mar, Blog Dança Cristã, Por Milene Oliveira


A luta é necessária para alcançar a vitória: Nada vem de graça, se você esperava entrar no ministério e começar a receber inúmeras bênçãos, infelizmente tenho que lhe dizer que você se enganou. Quando estamos trabalhando na obra de Deus as lutas vem de forma muito mais intensa, pois o inimigo está o tempo todo jogando setas na nossa vida para tentar nos derrubar e nos fazer desistir. Seremos abençoados? Sim, mas no tempo de Deus e não no nosso.

Houve um motivo para que você começasse, lembre-se dele: Quando você decidiu entrar para o Ministério você tinha um propósito não é mesmo? Você se lembra disso? No meu caso, o que me fez começar foi ter sido chamada por Deus, e o desejo de obedecer a este chamado, sempre que penso em desistir me lembro disso e logo me sinto fortalecida.

Irá decepcionar aqueles que acreditam em você: Pior que decepcionar as pessoas que acreditam em você, como seus líderes, seus irmãos e até sua família, é decepcionar AQUELE QUE MAIS ACREDITA: DEUS.

Você escolheu obedecer a um chamado e não pode abrir mão dele: Quantas pessoas não são chamadas para fazer algo na casa de Deus e simplesmente não conseguem obedecer ao seu chamado? Pode acreditar que são muitas. Você agiu diferente, escolheu obedecer e começar aquilo que Deus colocou nas suas mãos. 

Tudo que você fez ficará em vão: Quanto dinheiro você investiu em figurinos? Quanto tempo gasto com os ensaios? Quanto trabalho realizado? Desistir do ministério seria perder tudo isso que você já investiu, seu tempo, dinheiro e trabalho.

As críticas fazem parte de todo trabalho: Estar a frente de qualquer trabalho na igreja, de certa forma acaba nos expondo. As pessoas começam a nos enxergar com outros olhos, elas estão o tempo todo nos observando e prestando atenção em tudo que fazemos, portanto é natural que elas no critiquem ou até mesmo nos caluniem. Muitas pessoas são usadas pelo inimigo para fazer comentários ruins e que irão nos desmotivar. Não dê ouvidos a este tipo de pessoas e continue seu trabalho. Quando você entrou para o ministério, estava ciente de que poderia ser criticado.

Não se iluda, ninguém é perfeito: Se você acha que é muito ruim e que por mais que se esforce não consegue dançar bem, saiba que não existe ninguém perfeito e que o grande segredo para melhorar é ensaiar cada dia mais. Pare de se preocupar se outra bailarina do ministério faz algo melhor que você, ela também não é perfeita, ela ensaiou muito e você também pode chegar lá. Grandes bailarinas começam pequeno, elas também erram, caem, esquecem a coreografia, mas não desistem. Esqueça a ideia de ser perfeita e procure fazer o seu melhor.

Seu objetivo é maior que as dificuldades: Todos passamos por dificuldades, mas nosso objetivo, o nosso alvo (Jesus) é muito maior que elas. Portanto, se está muito difícil, lembre-se que para Ele também foi, mas Ele não desistiu, siga o exemplo de Jesus e passe pelas provações sem desanimar e confiando que sua vitória chegará. 


Leia também:
 
Voltar ao Topo
Distributed By Blogger Templates | Designed By OddThemes